Fotografia para quem não é fotógrafo, toyart e café

Categoria Fotografia 101

Siga no Instagram

O Que é um Arquivo RAW?

Eu tô tão vlogueira-youtuber-ninja dos videozinhos que nem me reconheço, MAS, se isso é pra vocês entenderem direitinho as dicas de fotografia, tá valendo! Vocês estão curtindo as coisas em vídeo?

Enfim, já falei sobre RAW nesse post aqui, mas sinto que é uma dúvida bem constante, então tentei explicar em vídeo da maneira mais simplificada que encontrei, espero que vocês tenham entendido.

O que é RAW na fotografia?

Dêem uma olhada e não esqueçam de assinar o canal!

Já me segue? Instagram30 Days of ToysTwitterFacebookYoutube • Snapchat (luhtestoni)

5 Coisas que Estão Estragando a Sua Fotografia

Segunda-feira tá aí – volta, fim de semana! – e já tem vídeo novo sobre fotografia! Dessa vez, listei 5 coisas que podem estar estragando a sua fotografia, desde uma luz ruim até você mesmo sendo preguiçoso pra caramba!

Dá o play aí pra ver que é super rapidinho e não esquece de assinar o canal!

Já me segue? Instagram30 Days of ToysTwitterFacebookYoutube • Snapchat (luhtestoni)

Meu Equipamento Básico de Fotografia

Se tem uma coisa que eu respondo dia sim, dia também nos emails do blog, é o que eu uso pra fotografar. Eu sempre digo que o equipamento que interessa é aquele que você tem na mão, mas a curiosidade das pessoas sobre isso sempre vence!

Quando eu digo “equipamento básico” eu tô falando do que  eu uso todos os dias hoje em dia pra trabalhar, as coisas que eu tenho sempre a mão e tal. Você não precisa de NADA DESSA LISTA pra fotografar bem, pelo amor de deus! Com o passar dos anos, eu fui conseguindo investir numas coisinhas pra melhorar a qualidade do meu trabalho, mas você deve começar com o que está na sua mão. Eu não quero ninguém aí desesperado porque precisa comprar um desses itens ou dizendo que não vai fotografar porque não tem algo dessa lista. Eu uso isso HOJE, mas já fotografei com Cybershot, celulares com câmeras básicas, editei no movie maker e por aí foi. É só porque me pedem muito esse post, de verdade.

Meu equipamento de fotografia

1- Canon T3I:

Tô usando essa T3I desde o começo do ano passado e amo muito essa câmera! Tem tudo que preciso, o visor retrátil é uma maravilha e nunca tive nenhum problema. Daqui um tempo vou ter que trocar porque uso DEMAIS ela, mas curto muito.

2- Lente 50mm 1.8:

Eu uso várias lentes, tem até uma lista pra você consultar nesse link, mas a 50mm é muito amor. Uma lente rápida, clara, super pau pra toda obra e relativamente barata. Se você estiver começando e já tem uma câmera DSLR, se puder investir nessa lente, recomendo.

3-  Disparador remoto:

A resposta da eterna pergunta “como você faz seus auto retratos?”. Se sua câmera suportar disparador remoto, é um negocinho bem legal. Falei bastante dele nesse post.

4- GoPro Hero 3+

Já comentei aqui no blog algumas vezes que ando numa fase bem “a louca da GoPro” e curtindo muito. Muitas das minhas fotos na rua têm sido feitas com ela e já tenho várias ideias anotadas agora pro verão. A qualidade é muito boa e é super divertido! Tem vários posts sobre a GoPro aqui.

5- Mesa Digitalizadora Wacom:

Melhor coisa pra editar sem acabar com os braços! Como a caneta é  anatomicamente melhor pra usar do que o mouse, dá pra fazer tudo sem cansar tanto e até com mais facilidade. No começo é meio confusa, mas é questão de prática.  Falei dela nesse post. 

6- MacBook Air 11′

Quando meu notebook da Sony morreu pra vida, achei que tava na hora de investir num Mac ( tempos de dólar mais baixo, hoje tá foda). Comprei esse Air de 11’que é super leve e eu consigo fazer tudo o que eu quero de qualquer lugar. Saudades eternas, dólar barato.

7- Zenfone 2 e iPhone 5s:

Pra fotografar com o celular, uso esses dois. Já tinha meu iPhone e curtia a qualidade das fotos, daí ganhei o Zenfone 2 do pessoal da Asus e amei MUITO a câmera, de verdade. Os aplicativos que eu uso pra editar as fotos deles estão nesse link e nesse vídeo!

8- Photoshop CC e iMovie:

Pra editar as fotos que faço com a câmera, eu uso o Photoshop CC. Eu sei que Photoshop parece chinês no começo, mas se você quer mesmo aprender, existem cursos, livros e até tutoriais na internet. E pra editar os vídeos – se você não assina o canal, faça isso AGORA – uso o iMovie. Simples, fácil de entender e dá jeito no que eu preciso.

Se rolar dúvidas, chama aí nos comentários ou no luh@primeiraesquerda.com. Não esquece de me seguir nas redes aí embaixo e me dar um oi! 😉

Já me segue? Instagram30 Days of ToysTwitterFacebookYoutube • Snapchat (luhtestoni)

[Vídeo] Pra Que Serve um Rebatedor Dourado e Como Fazer Um?

Sim sim! eu enrolei, passei meses sem fazer nenhum, mas criei vergonha na cara e voltei pro Youtube. Eu já contei que tenho uma dificuldade imensa com vídeos, mas veremos se consigo trabalhar essa implicância.

A ideia é fazer vídeos super curtos, então quem sabe?

Pra que serve um Rebatedor Dourado?

Pra começar, contei pra que serve um rebatedor dourado – sim, pra rebater, além de preencher a luz e dar um ar mais “quentinho” pra imagem – e ensinei a fazer um super mega simples sem gastar praticamente nada, usando apenas isopor, papel dourado e fita adesiva. Dá uma olhada e aproveita pra assinar o canal:

Sim, não use fita dupla face porque ele começa a se desfazer, é um terror. Próximo vídeo sai na quinta, com unboxing da Nerd Loot de Outubro que demorou pra caramba pra chegar – e de outras coisas que chegaram pro 30DaysofToys! 

Já me segue? Instagram30 Days of ToysTwitterFacebookYoutube • Snapchat (luhtestoni)

5 Dicas pra Usar Um Tripé

Acho que uma das coisas mais úteis que um ser humano pode comprar em termos de fotografia é um tripé. Sério, é um facilitador em tantos níveis que eu poderia ficar aqui listando o dia inteiro, junto com os benefícios do disparador remoto, que é outra coisa na qual eu sinto que meu dinheiro foi muito bem gasto.

Eu tenho um tripé de chão, um de mesa e até tripé pra celular, então digamos que eu tenha um certo apego e bastante experiência no assunto. Daí eu resolvi listar 5 Dicas pra Usar Um Tripé que parecem simples, mas que vão definir se você vai amar usar um tripé ou se a experiência toda vai ser um desastre:

 

Fotografia 101 template-2

1- Tripés fracos = câmera no chão!

Eu entendo – principalmente quando se está começando – que não rola muito dinheiro e gastar muita grana num tripé parece desnecessário – e até certo ponto é – mas não queira ser econômico DEMAIS. Tripés fracos não vão aguentar o peso da câmera + lente e existe a probabilidade de tudo ir parar no chão. Sabe aquela história de “o barato sai caro”? Pois é.

keep-calm-and-tudo-na-chon
Não achei a fonte dessa imagem, mas MUITO OBRIGADA, ser humano que fez. <3

2- Estender a última parte primeiro

A maioria desses tripés ” de gente grande” tem 3 travas que você pode abrir e a última é  sempre mais fina. Por isso, dê preferência as outras duas, que são maiores e dão um pouco mais de estabilidade. Só abra essa quando realmente for usar todas as três.

3- Não nivelar o horizonte:

É tripé, mas não faz milagre. Verifique se o horizonte da sua imagem tá alinhado pra foto ficar direitinha, a não ser que você esteja indo pra um lado mais modernoso e queira tudo torto mesmo, daí é problema seu. Pra quem tem dificuldade com isso, existem níveis pra te ajudar como esse da foto abaixo:

Imagem: Digital Camera World
Imagem: Digital Camera World

4- Carregar a câmera pendurada no tripé:

Não, pelo amor de deus, NÃO. Eu sei que parece que a câmera tá super firme ali no tripé – e até está – mas não é seguro. O parafuso pode se soltar por alguma razão, você pode esbarrar em algo etc etc etc e aí ADEUS, câmera bonitinha.

5- Comprar o tripé pra usar de cabide:

Se você gastou dinheiro em um tripé, LEVE-O quando sair pra fotografar. Você nunca sabe quando pode achar uma oportunidade de foto legal e é muito melhor ter e não precisar do que querer usar e ter largado em casa.

Já me segue? Instagram30 Days of ToysTwitterFacebookYoutube • Snapchat (luhtestoni)

5 Dicas Para Fotografar em Viagens

Viajar é uma das melhores oportunidades pra fotografar que pode cair no colo de uma pessoa. Poucas coisas são mais legais do que fotografar lugares novos, cheios de coisas diferentes, cores e dependendo da distância dessa viagens, pessoas e culturas que você jamais encontraria perto da sua casa.

 

@luhtestoni-33

 

Porém, na empolgação de sair na viagem pode-se cometer pequenos erros que transformam as suas esperadas fotos numa tortura, com cartões que não funcionam, equipamento roubado ou até não ter a menor ideia do que fazer com a câmera que tem na mão. Pra facilitar a sua próxima andança por aí, eis 5 Dicas Para Fotografar em Viagens!

1- Viaje leve:

Eu falei bastante disso nesse post aqui. Nã adianta você querer carregar todo o seu equipamento atrás de você feito uma tartaruga desgovernada e depois nem usar porque pesa, porque é perigoso andar com tudo etc etc. Leve coisas pau pra toda obra e relaxe.

2- Formate seus cartões de memória antes de ir:

Cartões formatados são mais felizes. Também dei detalhes sobre isso nesse post, mas apenas apagar as foto deixa seu cartão com pedaços de informação dentro, o que pode causar problemas. Salve o que precisa e formate ( mas salve antes, se você perder todas as suas fotos eu não tenho NADA a ver com isso).

3- Tenha um tripé de mesa:

De novo, detalhes aqui. Tripé de mesa é um negócio legal de ter numa viagem porque pode te ajudar a tirar retratos em lugares sem aquela cara de selfie e ser mais criativo, é super leve e não chama atenção. Nada de montar um tripé gigante sozinho num lugar que você não conhece! Dependendo do lugar, roubam seu equipamento antes que você consiga soletrar T-U-R-I-S-T-A.

4- Baterias extras são bem vindas:

Nada acaba com um dia de turismo como baterias que acabam no meio da tarde e você ainda quer fotografar uns 20 lugares. Uma bateria extra na mochila é sempre uma boa.

5- Conheça seu equipamento antes de ir:

Acontece muito de gente comprar câmeras justamente porque está indo numa viagem – recebo emails sobre isso toda hora – mas tá tão empolgado que se esquece de dar uma estudadinha na câmera antes de ir e passa um tempão na viagem pastando porque não sabe onde configura as coisas, pra que serve aquela “rodinha cheia de opcões” e nem faz ideia do que significa metade dos avisos na tela. Tire um tempinho pra conhecer sua câmera antes de ir e tire o melhor dela.

Já me segue? Instagram30 Days of ToysTwitterFacebookYoutube • Snapchat (luhtestoni)